Bolsonaro diz que “professores espertalhões usam a garotada em causa própria para desestabilizar governo”

Presidente da República foi entrevistado no programa The Noite, de Danilo Gentilli, veiculado na madrugada pelo SBT

A entrevista a Danilo Gentilli, transmitida na madrugada desta sexta-feira (31), foi gravada no início da semana, antes dos atos em defesa da educação desta quinta-feira (30). Nela, o presidente da República levantou a camisa para mostrar as cicatrizes do atentado que sofreu e as cirurgias posteriores, e deu risada de uma entrevista anterior, dada ao mesmo apresentador, quando ainda deputado, em que ele tirou as calças em frente à câmera.

A partir dos treze minutos, depos de elogiar a manifestação que ocorreu no domingo (26) a favor do governo, e que considerou espontânea, o presidente voltou a criticar as passeatas contra os cortes na Educação, chamando os manifestantes de inocentes úteis: “A grande maioria da garotada presente não sabia o que estava fazendo ali. Uma minoria de professores espertalhões usa a garotada em causa própria tentando desestabilizar o governo.” Bolsonaro declarou também que “a esquerda tomou lá atrás as universidades, depois tomaram as escolas de ensino médio e o ensino fundamental também”. Para ele, as confusões no MEC acontecem porque a pasta é a mais “aparelhada”: 

Veja a entrevista do SBT.

Compartilhar