Bolsonaro diz que propostas para a reforma administrativa serão atendidas

Segundo o presidente, mudanças valerão apenas para novos servidores

O presidente Jair Bolsonaro contou que as  mudanças que ele sugeriu para serem feitas na reforma administrativa estão sendo feitas. “Eu peguei a reforma feita pelo Paulo Guedes, estudamos e propusemos algumas alterações. E elas, não é por que eu sou o presidente não, mas elas estão sendo atendidas”, disse Bolsonaro a jornalistas, nesta segunda-feira, 27, em Nova Délhi,  após participar da abertura do seminário “India-Brazil Business Forum”.

Bolsonaro voltou a afirmar que as mudanças vão valer apenas para os novos servidores. Segundo ele, “esse é o principal ponto da reforma”. De acordo com o presidente, as mudanças serão “brevemente anunciadas”. 

O presidente evitou dar detalhes sobre a proposta que o governo deverá enviar ao Congresso em fevereiro. Contudo, ele fez questão de destacar que pretende combater a guerra de informação e evitar novos “ruídos no Brasil”. “Quero mostrar que as mudanças que estão sendo propostas são para quem entrar no serviço público daqui para frente”. 

Ontem, Bolsonaro disse que a reforma administrativa está “praticamente pronta” e que ele não vê problema algum de ela ser encaminhada para o Congresso junto com a reforma tributária. Em ano eleitoral, o Congresso fica proibido de aprovar mudanças na Constituição a partir de junho.

Leia na íntegra: Correio Braziliense

Compartilhar