UFSC suspende formaturas, adia Sepex e cancela viagens

Medidas anunciadas nesta quinta-feira (12) fazem parte do plano da universidade de combate ao coronavírus

Como parte das medidas de combate ao coronavírus, a UFSC decidiu suspender, a partir do dia 16, formaturas, shows, palestras, seminários e outros eventos marcados para auditórios e espaços com grande concentração de pessoas. Por enquanto, as aulas estão mantidas.

Entre as medidas anunciadas nesta quinta-feira (12), estão o adiamento da Sepex, prevista para acontecer em abril, e a suspensão das atividades do Núcleo de Estudos da Terceira Idade (Neti). Também estão suspensas viagens de docentes, técnicos administrativos e alunos. Quem retornou de viagem ou teve contato com casos confirmados da doença deve se afastar das atividades por, no mínimo, cinco dias, mesmo que não tenha sintomas. Esses casos devem ser comunicados à administração central, com as devidas comprovações.

“Acreditamos que, com medidas como a suspensão de eventos e a comunicação de viagens e contatos com casos confirmados, será possível prevenir que pessoas que tenham algum sintoma frequentem as salas de aulas. Outro fator importante é focar no perfil dos mais vulneráveis, como os idosos. O perfil da maioria dos nossos estudantes não se enquadra nesse grupo de vulneráveis. Isso não impede que as pessoas, estudantes, técnicos ou docentes que apresentem algum sintoma dirijam-se a um serviço médico e observem o protocolo recomendado de permanecer em suas casas,” disse o reitor Ubaldo Cesar Balthazar.

Ubaldo lembra, ainda, que os dados da pandemia serão considerados diariamente, e observando piora da situação, as aulas e atividades presenciais poderão ser substituídas por aulas on-line, caso necessário. O reitor ressalta que é necessário que as unidades acadêmicas e administrativas planejem-se previamente para a possibilidade de execução dessas ações.

Leia a nota, na íntegra, abaixo.

Nota Oficial

Considerando:

1. O aumento diário de casos provocados pelo Covid-19, no mundo, no Brasil e a recente confirmação de 2 (dois) casos em Santa Catarina;
2. As recomendações das autoridades do Ministério da Saúde, OMS e OPAS;
3. A classificação de grupos vulneráveis (idosos, cardiopatas, pneumopatas, nefropatas, diabéticos, oncológicos, e imunossuprimidos em geral);
4. A necessidade de ações que, inicialmente, evitem a circulação de agentes transmissores do Covid-19 entre a comunidade universitária e, em um segundo momento, limitem a propagação;

A UFSC adota, em todos os campi, a partir de 16 de março de 2020, as seguintes medidas:

a) Suspensão de solenidades marcadas para auditórios e espaços com grande concentração de pessoas, como formaturas, eventos, shows, palestras, seminários etc.;
b) Suspensão das atividades do Núcleo de Estudos da Terceira Idade (Neti);
c) Adiamento da Sepex;
d) Suspensão de viagens de docentes, técnicos administrativos (TAEs) e discentes;
e) Comunicação por parte de discentes, docentes e TAEs às Coordenações de Curso e/ou Chefias imediatas, no caso de retorno de viagem (nacional ou internacional);
f) Comunicação por parte de discentes, docentes e TAEs às Coordenações de Curso e/ou Chefias imediatas, de eventual contato com casos confirmados; 
g) Nas duas situações anteriores deve ser cumprido um período de afastamento das atividades de, no mínimo, 5 (cinco) dias, mesmo nos casos assintomáticos. Tal comunicação deve ser acompanhada das devidas comprovações, de modo a justificar a ausência;
h) Reforço nas ações de orientação, prevenção, etiquetas de contato e respiratória, além das medidas de higienização amplamente divulgadas.

Leia na íntegra: Notícias UFSC

Compartilhar