Alesc suspende sessões e comissões por uma semana para avaliar avanço do coronavírus no Estado

Só atividades essenciais serão mantidas

O coronavírus vai fazer a Assembleia Legislativa praticamente parar esta semana. No início da tarde desta segunda-feira, o presidente Júlio Garcia (PSD) decidiu ampliar as restrições anunciadas no final da semana e suspender todas as atividades – incluindo sessões e reuniões das comissões.

“Estamos vivendo um momento de emergência e precisamos agir com toda cautela. Não adianta tomar uma decisão drástica daqui três semanas. Acho melhor a gente suspender esta semana, sem nenhum prejuízo de prazos, tramitação, especialmente da reforma da previdência, que prometemos que seria amplamente discutida.”

Para Júlio Garcia, esta será uma “semana de avaliação” sobre a disseminação do vírus em Santa Catarina e no país. Na semana passada, o presidente decidira restringir o acesso do público aos trabalhos legislativos – limitando-o a profissionais de imprensa e autoridades previamente cadastrados. Agora, a ideia é manter apenas o essencial funcionando.

“Vai haver uma motivação para que o pessoal trabalhe o máximo possível em casa, tanto administrativo quanto de gabinete. Vamos manter só os trabalhos essenciais.”

A reforma da previdência, cujo prazo para tramitação se encerra no dia 24 de março, foi uma das motivações da decisão de suspender as atividades do parlamento. “Os servidores estão interessados, certamente viriam para discutir. A gente acaba trazendo uma aglomeração da qual não teríamos controle”, afirmou Júlio Garcia.

Leia na íntegra: NSC

Compartilhar