Professor da UFSC auxilia na produção de álcool 70º em Curitibanos

A iniciativa é uma parceria com produtores locais, Epagri e a Prefeitura Municipal

Em meio à pandemia do novo coronavírus, o álcool 70º INPM tem sumido rapidamente das prateleiras. Percebendo tal carência, uma parceria entre a Prefeitura de Curitibanos, UFSC, Epagri (Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina) e produtores locais vêm se estabelecendo. Nesta semana, em um teste inicial, 76 litros de álcool 46º INPM adquiridos pela Administração Municipal foram transformados em 30 litros de álcool 70º. O processo aconteceu na destilaria artesanal no Assentamento Primeiro de Maio, do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST), em uma cooperação da família Girotto com o professor de Química da UFSC, Cristian Soldi.

Equipamento para destilação de álcool 46º em álcool 70º. Foto: Prefeitura Municipal de Curitibanos

“Eles [a Prefeitura de Curitibanos] bancaram esse primeiro teste justamente para saber: numa emergência, é possível produzir um grande volume de álcool 70º, caso falte no estoque? E a gente viu que a gente consegue”, disse Soldi. Com 30 litros produzidos em uma hora e meia, a equipe estima que seja possível obter 200 litros de álcool 70º em um dia inteiro de trabalho.

A concentração de 70º INPM é a recomendada para desinfecção de materiais a fim de evitar a contaminação da Covid-19. “Se a Prefeitura conseguisse comprar álcool 70º direto, seria mais barato. Mas a técnica serve para quando não há condições de comprar, porque o estoque acabou, a empresa não consegue entregar ou não tem material disponível.” A iniciativa é voltada para o abastecimento de hospitais, centros de saúde e ambientes que necessitem de higienização constante.

“Quem fez a parte mais importante foi a família Girotto, porque são eles quem têm a experiência do equipamento”, complementa o professor Soldi.

Na parceria, a Epagri conta com um programa de difusão de uso do equipamento – o destilador de fluxo contínuo – com o intuito de contribuir com uma oportunidade de renda aos produtores rurais do assentamento.

UFSC e Produtores Rurais e Prefeitura unidos para produção de álcool 70° INPM

Ótima Notícia!Conforme informações do professor de Química da UFSC – Campus de Curitibanos, em casos de emergência podem ser produzidos até 200 litros de álcool 70° INPM por dia. Prefeitura Municipal de Curitibanos adotou a iniciativa da Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC Campus Curitibanos para a produção artesanal do produto.Experimentalmente foram adquiridos pela Prefeitura 76 litros de álcool 46° INPM, transformados em 30 litros de álcool 70° INPM.O processo foi realizado em uma destilaria artesanal, no Assentamento Primeiro de Maio. O professor de Química da UFSC, Cristian Soldi, em cooperação com os irmãos Girotto aplicou a técnica de destilação para o aumento da eficácia de desinfecção do produto.Por possuir um percentual menos concentrado, o álcool 46° INPM encontrado para comercialização nos estabelecimentos comerciais não tem eficácia para desinfetar ambientes e prevenir contra a contaminação pelo Coronavírus. Essa iniciativa trata do abastecimento de locais que necessitam deste produto em casos de falta do mesmo. A produção pode ser realizada de forma rápida, para abastecer hospitais, centros de saúde e ambientes que necessitem de higienização constante.Conforme explicou o professor Cristian:“É importante que fique claro, que esse processo tem um custo mais alto, mas que se justifica para um caso emergencial. Podemos realizar essa produção e manter os locais que necessitam abastecidos”, destacou o professor. “A Administração Municipal seguirá com aquisição de mais insumos para esta produção, com o objetivo de auxiliar na higienização de ambientes que necessitam constantemente do produto e assim, minimizar a contaminação pelo Coronavírus, e agradece a disposição da UFSC em ser parceira em um processo tão importante como esse”, destaca o prefeito de Curitibanos José Antonio Guidi.

Posted by Nação Ativa Curitibanos on Wednesday, March 25, 2020

Com informações da Prefeitura Municipal de Curitibanos.

Imprensa Apufsc

Compartilhar