Notícias

Com reforma da previdência, pedidos de aposentadoria sobem 115%

Pedidos por idade subiram 166% no primeiro trimestre do ano; concessões caíram 21%

Com a possibilidade da aprovação da reforma da previdência, os pedidos de aposentadoria recebidos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) subiram cerca de 115% no primeiro trimestre de 2019 em comparação com o mesmo período do ano passado. É o que mostra uma pesquisa da Revista Veja.

Segundo o levantamento, foram pedidas 510.613 aposentadorias ante as 237.086 nos três primeiros meses de 2018. No benefício por idade, o número subiu 166%, e no de contribuição, 75%. Para especialistas, esse aumento está diretamente relacionado ao temor com a reforma.

Uma das mudanças da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da previdência é a criação de uma idade mínima de 62 anos para mulheres e 65 para homens. Hoje, é possível se aposentar quando o tempo de contribuição excede 30 anos para mulheres e 35 para homens, independente de idade.

Entretanto, as concessões do órgão caíram 21%. Para especialistas, isso reflete o medo da população com a reforma da previdência. “Muita gente que nem tem o direito de pedir a aposentadoria sai correndo para tentar”, disse Rômulo Saraiva, advogado entrevistado pela revista. “Isso aumenta o número de rejeições e o volume de trabalho dos servidores.”

Leia mais: Veja


V.L./L.L.

Manchete

Pedidos por idade subiram 166% no primeiro trimestre do ano; concessões caíram 21%


Postado

23.maio | 2019


Imprimir


Compartilhar


Filiar-se

Newsletter

(48) 99944.0103 (WhatsApp)
(48) 3234.2844 e 3234.5216 (Max & Flora)
(48) 3721.9425 e 3234.3187 (Campus Trindade)
(47) 99925-1735 (Joinville)
(49) 3241.4181 (Curitibanos)
(48) 3524.0228 (Araranguá)
(47) 3234.1866 (Blumenau)

 

© APUFSC Sindical

Designed & Created by: Hupx Tecnologia Powered by: Dynamicweb