Notícias

Entrar em greve ou não: vote aqui até as 17 horas de hoje

Até o meio-dia, 1.107 professores já tinham participado da votação. Para participar, basta acessar a área restrita do site


Os professores filiados à Apufsc têm até as 17h desta quinta-feira, dia 19, para votar no site do sindicato se querem ou não entrar em greve por tempo indeterminado. A votação faz parte da Assembleia Geral Extraordinária da entidade.

Para votar, basta clicar neste link ou acessar a área restrita do site. Para que tivesse validade, era necessária a participação de ao menos 25% dos filiados em dias com suas obrigações, o equivalente a 708 votantes.  Até o meio-dia de hoje, 1.107 docentes já tinham votado.

Assembleia 

Na segunda pela manhã, 254 docentes participaram da primeira parte, presencial, da Assembleia Geral Extraordinária da Apufsc para discutir a paralisação e definir a cédula de votação. O auditório do CCE ficou lotado e quem não conseguiu lugar acompanhou do lado de fora, através de um telão instalado no varandão do CCE.  Houve participação ao vivo dos outros campi por videoconferência e mais de mil pessoas acompanharam a assembleia pelo Youtube. 

 Para assistir à gravação, clique aqui. 

A primeira parte foi dedicada à falas de professores e estudantes sobre os cortes no orçamento da universidade, sobre o projeto Future-se e as estratégias para agir em relação ao cenário atual. 


Depois das falas, os docentes discutiram a greve discente na universidade, a possibilidade de entrarem em "estado de greve" e de participarem da greve nacional da educação de 48 horas programada pela UNE, Fasubra e setor das Ifes do Andes para os dias 2 e 3 de outubro, ou de aderirem imediatamente à greve por tempo indeterminado. Houve três propostas de cédula para a votação online da segunda parte da Assembleia, uma prevendo simplesmente adesão ou não à greve por tempo indeterminado, outra propondo também a alternativa de estado de greve e adesão à paralisação nacional de 48 horas, a terceira colocando as três alternativas simultaneamente. Na votação entre os presentes, a primeira proposta foi amplamente vitoriosa:  ficou decidido que os professores poderão votar apenas "sim" ou "não" para a greve por tempo indeterminado, ou votar em branco. 


Se a decisão for pela greve, a Apufsc vai comunicar à Reitoria no prazo legal de 48 horas. Se os professores decidirem por não entrar em greve, o Conselho de Representantes vai definir os próximos passos. 

 





Assembleia lotou o Auditório do CCE e requereu um telão para ser acompanhada por quem não conseguiu entrar. Fotos: Diana Koch 

Encaminhamentos aprovados na assembleia de hoje (16/09):

 

- Moção de apoio ao reconhecimento da greve estudantil;
"Os professores da UFSC, em assembleia  realizada dia 16/09/2019, manifestam apoio à greve  dos estudantes da UFSC, e orientam a categoria a não cobrar frequência dos alunos, não aplicar avaliações e recuperar os conteúdos após o final da greve."

 

- Apoio da Apufsc ao comitê contra o Future-se;

 

- Mobilização para divulgar a produção científica à comunidade externa da UFSC;

Diana Koch /E.M.

Manchete

Até o meio-dia, 1.107 professores já tinham participado da votação. Para participar, basta acessar a área restrita do site


Postado

19.setembro | 2019


Imprimir


Compartilhar


Filiar-se

Newsletter

(48) 99944.0103 (WhatsApp)
(48) 3234.2844 e 3234.5216 (Max & Flora)
(48) 3721.9425 e 3234.3187 (Campus Trindade)
(47) 99925-1735 (Joinville)
(49) 3241.4181 (Curitibanos)
(48) 3524.0228 (Araranguá)
(47) 3234.1866 (Blumenau)

 

© APUFSC Sindical

Designed & Created by: Hupx Tecnologia Powered by: Dynamicweb