Encontro internacional marca o retorno dos eventos científicos presenciais na UFSC

O evento durou duas semanas e teve a presença de figuras importantes da produção científica

Realizado entre 7 e 18 de Fevereiro, no Espaço Físico Integrado (EFI) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), o Cimpa Floripa –  from Dynamics to Algebra and Representation Theory and Back marcou a volta dos eventos científicos presenciais na UFSC, bem como o retorno presencial dos eventos apoiados pela Sociedade Brasileira de Matemática (SBM). 

Durante duas semanas, os participantes aprenderam, discutiram e obtiveram avanços nas interações entre álgebra e sistemas dinâmicos. Em particular, na primeira semana, vários cursos foram ministrados com o objetivo de apresentar aos jovens estudantes as bases para chegar à fronteira do conhecimento. Na segunda semana, cursos mais avançados foram oferecidos, proporcionando discussões e aprendizados sobre os últimos resultados da área. Além dos cursos, durante todo o período do evento, professores apresentaram palestras avançadas, seguidas de discussões. Duas sessões de pôsteres permitiram aos jovens pesquisadores apresentarem seus resultados aos colegas e especialistas da área.  Com a presença de estudantes e pesquisadores do Brasil, Uruguai, Chile, Argentina, Colômbia, Filipinas, Austrália e Estados Unidos, o evento também teve transmissão on-line em tempo real. Notas e gravações dos minicursos e palestras estão disponíveis no site do Cimpa-Floripa.

A abertura do encontro contou com a presença da pró-reitora de Pós-Graduação, Cristiane Derani, da superintendente de projetos da Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq), Maique Biavatti, do diretor do Centro de Ciências Físicas e Matemáticas (CFM), Nilton Branco, do chefe do Departamento de Matemática, Raphael da Hora, e dos representantes do Centro Internacional de Matemática Pura e Aplicada (Cimpa) e da SBM, Juan Lario e Daniel Gonçalves, respectivamente. Na ocasião, foi destacada a importância do retorno às atividades presenciais observando os cuidados de saúde necessários, bem como do intercâmbio internacional presencial.

O evento teve apoio do Cimpa, da UFSC, da Universidad de Málaga, da SBM, do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico  (CNPq), da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina  (Fapesc), da União Matemática Internacional e da Embaixada da Espanha.

Fonte: Notícias da UFSC

Compartilhar