Escravo

Nestor Roqueiro

19.março , 2019

Você! Produza algo academicamente relevante! Não pense mais no seu salário, não pense que o que recebe pelo mês trabalhado arduamente permite comprar cada vez menos, não pense que está fazendo seu trabalho dedicadamente, com amor pela profissão e que deveria ter seu esforço reconhecido. Produza algo academicamente relevante!
 
Não pense que Paulo Guedes está roubando você e todos os brasileiros para beneficiar acionistas. Não pense em se revoltar quando querem detonar sua aposentadoria. Não pense em resistir aos atropelos de um desgoverno claramente autoritário que já está perdendo popularidade em menos de 100 dias desde a posse e que vai fazer de tudo, sim, de tudo o que puder imaginar, para aprovar a transferência de renda de todos os brasileiros para alguns endinheirados. Produza algo academicamente relevante!
 
Não pense que o sindicato é o único órgão que lhe resta para se juntar com outros como você para defender salário e aposentadoria. Não pense que o seu salário, sua saúde, sua aposentadoria, suas condições de trabalho são interesses legítimos, de você, que esta na carreira docente.  Produza algo academicamente relevante!  
 
Não pense, seu escravo! Produza algo academicamente relevante!  
 
O sindicalismo independente está morto, mataram propositadamente, para não incomodar, resta o corpo moribundo da Apufsc definhando em um CR esvaziado, em assembleias sem quórum, que uma diretoria valente está tentando reanimar. Os que querem ver a Apufsc morta e insepulta (para atrapalhar o surgimento de qualquer organização sindical realmente reivindicativa) apostam na continuidade do imobilismo e te dizem: Produza algo academicamente relevante!  
 
E se você, como a maioria, faz muitas coisas academicamente relevantes, todos os dias, reaja e não deixe que te chamem de vira-lata, de vagabundo, de incompetente. 
 
 
DAS – CTC

Compartilhar