Em reunião com reitores e parlamentares, Weintraub fala em desbloqueio para as universidades

Ministro diz que aumento de arrecadação pode viabilizar liberação de recursos 

No mesmo dia em que milhares de estudantes foram às ruas em defesa do ensino superior público no país, o Ministro da Educação sinalizou que pode desbloquear o orçamento das universidades. A informação é da deputada Margarida Salomão (PT-MG), que gravou um vídeo, ontem, após participar de uma reunião com Abraham Weintraub, deputados, senadores, representantes da Andifes e da SBPC. 

Weintraub justificou que o descontingenciamento foi possível devido a um aumento de arrecadação para o mês de setembro somado ao recebimento de dividendos. Não citou, porém, que o governo usou o bloqueio de verbas como moeda de troca para aprovar a Reforma da Previdência. 

De acordo com Margarida Salomão, Weintraub afirmou durante o encontro que as universidades são caras e que vai colocar os números da educação na mesa. Para ela, é importante que ele faça isso para que a questão seja discutida com materialidade, e não apenas com base em preconceitos. 

Também participaram da reunião os reitores Marcelo Turini (Universidade Federal do Mato Grosso do Sul) e João Carlos Salles (Universidade Federal da Bahia), Gustavo Balduíno, secretário executivo da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), e Ildeu Moreira, presidente da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).

Saiba mais em: Ministério da Educação, Observatório do Conhecimento

 
Compartilhar