Apufsc Solidária: Instituto Padre Vilson Groh lança campanha para ajudar comunidades carentes na pandemia

Além de doar 200 cestas básicas, a Apufsc divulga a campanha de arrecadação de fundos em todos os seus canais de comunicação; confira como participar

A campanha lançada pelo Instituto Padre Vilson Groh (IVG) e apoiada pela Apufsc vai ajudar cerca de 300 famílias carentes de Florianópolis e região a enfrentar a crise provocada pelo coronavírus. Com o dinheiro arrecadado, o Instituto compra cestas básicas com produtos alimentícios e de higiene e limpeza para essas famílias. Além de divulgar a campanha, a Apufsc Solidária também contribuiu com a doação de 200 cestas básicas .

“O momento exige que sejamos proativos e uma forma é a solidariedade ao povo que tem fome, está desempregado e mais exposto ao vírus,” avalia o presidente da Apufsc, Bebeto Marques.

Você também pode participar, contribuindo com qualquer quantia. Seguem os dados bancários: Banco do Brasil, agência 5255-8, conta corrente: 56284-X, CNPJ: 13.188.828/0001-67/Instituto Pe. Vilson Groh. Quem tiver dúvidas pode ligar para 48-99177-8757 e falar com Luciene. Não é necessário enviar comprovante de transferência, mas quem quiser pode registrar a identificação ou enviar o comprovante para o email ivg@redeivg.org.br ou para o whatsapp do celular mencionado.

“Nesse momento histórico temos que construir uma rede de solidariedade, olhando para os lados, enxergando as pessoas mais fragilizadas, que correm risco de morrer pelo vírus e de fome. Esta é uma oportunidade para a sociedade civil assumir a sua responsabilidade e ajudar a salvar vidas com um gesto concreto na corrente do bem”, diz o padre Vilson. Assim como o Estado deve socorrer a população empobrecida, avalia, a situação de calamidade pública em que nos encontramos também é uma chance para retomarmos as ações solidárias individuais e coletivas. “Temos que defender a vida de cada ser humano – cada um tem sua história, tem memória e endereço”, complementa o padre.

As famílias que vão receber as doações moram nas seguintes comunidades: Monte Serrat, Alto da Caieira e Morro do Mocotó, no Maciço do Morro da Cruz; Monte Cristo, no continente; Jardim Zanelato, em São José; e na região da Associação João Paulo II, na Palhoça.

“Como nós já atendemos a essas comunidades com nossos projetos permanentes, temos o mapeamento de onde estão essas famílias, quantas pessoas moram em cada casa, se tem crianças e idosos, então sabemos a quantidade e os itens necessários em cada cesta básica”, explica a gerente executiva do IVG, Luciene Braun. Ela conta que o Instituto conseguiu parceria com alguns supermercados e, assim, consegue comprar as cestas básicas com até 20% de desconto. A cesta é composta de alimentos e também de produtos de higiene pessoal e para limpeza da casa – fundamentais para prevenir a contaminação pelo coronavírus.

“Sabemos que não vai ser um período curto. Ontem entregamos algumas cestas, mas esperamos poder manter uma entrega semanal e abranger todas as famílias”, diz Luciene, ressaltando que o apoio de todos é essencial.

Imprensa Apufsc

Compartilhar