Resultado do Sisu do 2º semestre de 2020 será divulgado pelo MEC nesta terça-feira

Pela 1ª vez, Sistema de Seleção Unificada também vai selecionar candidatos para vagas na modalidade de ensino a distância

O Ministério da Educação (MEC) divulga nesta terça-feira, 14, a lista de aprovados no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do 2º semestre de 2020, que seleciona estudantes para vagas em universidades públicas.

Para ver a lista, é preciso acessar o site do Sisu. Também é possível verificar os resultados por meio do boletim do candidato.

Nesta edição, o Sisu 2020 seleciona candidatos para mais de 58 mil vagas em instituições públicas de todo o país e com mais de 204 mil inscritos, segundo o último balanço do governo. Pela primeira vez, também foram ofertadas vagas na modalidade de ensino a distância (EaD).

O Sisu permite que cada inscrito escolha dois curso para concorrer. Puderam participar da seleção somente os candidatos que prestaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 e que não zeraram na prova de redação.

Para dúvidas em relação ao resultado, o candidato pode entrar em contato com a Central de Atendimento do MEC, no telefone 0800-616161 (contato informado pelo site do Sisu).

Cronograma

Os alunos aprovados nesta primeira chamada devem realizar a matrícula regular no curso escolhido entre 16 e 21 de julho. Já o prazo para que os estudantes que não foram classificados nesta chamada manifestem interesse em entrar na lista de espera começa nesta terça e vai até 21 de julho. Para se inscrever, o candidato deve acessar o site do Sisu.

A convocação dos candidatos em lista de espera pelas instituições de ensino começará a partir de 24 de julho. Confia abaixo o cronograma completo da segunda edição do Sisu 2020:

  • Abertura das inscrições: 7 de julho
  • Encerramento das inscrições: 10 de julho (até 23h59)
  • Divulgação dos resultados: 14 de julho
  • Abertura das matrículas: 16 de julho
  • Encerramento das matrículas: 21 de julho
  • Período de manifestação para lista de espera: de 14 a 21 de julho (até 23h59)

Leia na íntegra: G1

Compartilhar