HU/UFSC concentra maior volume de pesquisas sobre Covid-19 nos hospitais da rede Ebserh

De 220 pesquisas relativas à doença em hospitais universitários, 31 são realizadas na unidade ligada à UFSC

Levantamento realizado pela Coordenadoria de Pesquisa e Inovação Tecnológico da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) apontou que, de um total de 220 pesquisas relativas à Covid-19 que estão sendo desenvolvidas em hospitais universitários da rede, 31 são realizadas no Hospital Universitário Professor Polydoro Ernani de São Thiago da Universidade Federal de Santa Catarina(HU/UFSC). É o maior volume de pesquisas entre os 35 hospitais universitários listados no levantamento.

O chefe do Setor de Gestão da Pesquisa e Inovação Tecnológica do HU/UFSC, Maico Oliveira Buss, explicou que o volume de pesquisas desenvolvidas dentro do HU é significativo porque, na instituição, foi criado um fluxo diferenciado para projetos de pesquisas relativas à Covid-19. “Estas pesquisas passaram a ter um ‘atendimento preferencial’. Em outras palavras, assim que recebidas e conferidas quanto a questões documentais, são encaminhadas para avaliação da Comissão de Avaliação de Projetos de Pesquisa e Extensão. Não é raro o pesquisador receber o parecer em menos de 24 horas”, explicou o chefe do setor, que faz parte do organograma da Gerência de Ensino e Pesquisa (GEP).

Maico Buss cita como exemplos de pesquisas desenvolvidas no HU/UFSC os projetos em parceria com laboratórios que estão buscando o desenvolvimento de vacinas contra a Covid-19 e a participação no projeto Coalizão, um dos maiores esforços conjuntos envolvendo hospitais brasileiros e o Ministério da Saúde para avaliar a eficácia e segurança de medicamentos para pacientes com Covid-19.

Leia na íntegra: UFSC Notícias

Compartilhar