Como PEC dos precatórios pode prejudicar professores da rede pública

Aprovação de PEC a ser votada na Câmara pode afetar não só a confiança do mercado, mas professores da rede pública de estados e municípios, aponta o Correio Braziliense

Está previsto para hoje (03), o retorno da pauta da PEC dos Precatórios na Câmara. A PEC nº 23/2021 altera regras do chamado teto de gastos e cria novas normas para o pagamento de precatórios.

A medida é vista por especialistas e parlamentares de oposição como uma manobra do governo para abrir espaço fiscal e financiar, entre outras coisas, o pagamento do Auxílio Brasil, um novo programa social. O que pouca gente sabe é que a aprovação da PEC pode afetar não só a confiança do mercado, mas professores da rede pública de Estados e municípios.

A segunda parte da PEC é que a muda as regras para o pagamento de precatórios. E é essa que pode acabar afetando os professores — possivelmente provocando atrasos para docentes da rede estadual e municipal em alguns lugares.

Leia na íntegra: Correio Braziliense

Compartilhar