Nota de pesar: falece o professor aposentado José Curi

 José Curi foi professor da UFSC de 1962 a 1986, quando se aposentou

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) lamenta o falecimento do professor aposentado José Curi, ocorrido no dia 29 de abril, em Florianópolis, aos 90 anos. José Curi foi professor da UFSC de 1962 a 1986, quando se aposentou. Ele lecionava Filologia Românica no Departamento de Letras e Literatura Vernáculas (DLLV) do Centro de Comunicação e Expressão. Era formado em Letras Neolatinas (bacharelado e licenciatura) e em Filosofia (bacharelado), pós-graduado em Linguística, doutor em Letras e Livre Docente em Linguística.

Desde abril de 1968 José Curi ocupava a Cadeira 18 da Academia Catarinense de Letras. A Academia emitiu uma nota de falecimento destacando que o professor “deixa um excepcional legado de excelentes serviços prestados no magistério superior de Santa Catarina, na formação de novas gerações nas últimas décadas e de uma rica contribuição à literatura estadual e nacional”.

O professor Celestino Sachet, colega do professor Curi na Academia Catarinense de Letras, prestou uma homenagem ao amigo e confrade. “José Curi cultivou seu compromisso estético-literário com o sorriso estampado nos lábios, tonando agradável seu trabalho não só de divulgar a cultura das letras catarinenses, mas e principalmente torná-la fraterna pelo maior número de cultivadores da saborosa atividade”, escreveu Sachet.

Além da Academia Catarinense de Letras, o professor José Curi pertencia à Academia Catarinense de Filosofia e ao Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina. Era académicien correspondant da Academia Belles-Lettres, Sciences et Arts de La Rochelle, França. Poliglota, falava e escrevia em várias línguas.

Natural de Rio dos Cedros, o professor José Curi escreveu várias obras ligadas à cultura italiana (Raconti de Rio Cedro (1984); Resta Quà Con Noaltri (1987); Da Terra da Cucanha (2007); El Talian – A Língua dos Imigrantes Italianos de Santa Catarina (2009); Curso de Italiano para Brasileiros (didático – 4ª. Edição, 2001). A Câmara Municipal de Rio dos Cedros emitiu um ofício de pesar pela morte do professor.

Em luto, a comunidade universitária presta solidariedade à família, colegas e amigos do professor José Curi.

Fonte: Notícias da UFSC

Compartilhar