Com desbloqueio, UFSC prorroga prazo de compras sem licitações e retoma bolsas de estágio não-obrigatório

Novo prazo para compras é 31 de outubro; verbas desbloqueadas devem ser aplicadas na Universidade ainda em 2019

Com a recente liberação de R$ 29 milhões da UFSC que ficaram bloqueados durante sete meses, a UFSC decidiu estender o prazo das unidades administrativas e acadêmicas para realizar compras que dispensam licitação, informa o Notícias UFSC. A extensão desse prazo até 31 de outubro visa proporcionar às unidades condições para utilizar os recursos das demandas acumuladas ainda no exercício de 2019, prazo máximo para aplicação dos recursos.

Os valores que estão sendo repassados para às Unidades Acadêmicas é de R$ 478.566,00; enquanto às Unidades Administrativas serão disponibilizados R$ 221.454,25. Além desses setores, Colégio de Aplicação, Biblioteca Universitária, Núcleo de Desenvolvimento Infantil e o Biotério Central recebem o total de R$ 42.693,75.

A Universidade divulgou também a contratação de bolsas de estágio não-obrigatório obtidas por meio do PIBE 2019 e que não puderam ser preenchidas desde 14 de setembro devido ao bloqueio de verbas feito pelo MEC. As bolsas estarão liberadas a partir de 29 de outubro. Mais informações sobre critérios de seleção aqui.

Compartilhar