A quem interessa aumentar a desigualdade?

Veja a análise do economista Thomas Piketty para o Valor Econômico

“Se o objetivo for mesmo combater privilégios e reduzir desigualdades, a proposta deveria explicar em detalhe as projeções atuariais e demográficas que justificam atrasar e até inviabilizar a aposentadoria de milhões de brasileiros pobres.” Uma reforma da previdência que dificulta o acesso à aposentadoria e a promessa de uma reforma tributária que tramitará separadamente. Confira  a análise do economista Thomas Piketty sobre os projetos de reformulação em curso no Brasil e como eles devem aumentar a desigualdade no país.

Leia: Valor Econômico


Compartilhar