Conselho de Representantes aprova participação da Apufsc e defesa de voto paritário em consulta para reitoria

Encontro virtual ocorreu nesta sexta-feira (5)

O Conselho de Representantes da Apufsc-Sindical, em reunião realizada por videoconferência nesta sexta-feira, 5, debateu e aprovou a participação da Apufsc na comissão que coordenará a consulta informal para reitor/a 2022-2026. Os membros do CR aprovaram, com 12 favoráveis e 5 abstenções, a defesa do voto paritário para esta consulta.

As entidades (DCE, APG, Sintufsc e Apufsc) escolheram os seus representantes na COMELEUFSC. Pela Apufsc, serão os professores Camilo Buss Araújo e Douglas Kovaleski. A Comissão deve se reunir na próximas semanas para definir seus primeiros encaminhamentos.

Por mais de 30 anos, o processo eleitoral na universidade tem ocorrido da mesma forma. Primeiro, as entidades organizam e realizam uma consulta informal à comunidade universitária, de modo que a chapa mais votada indica os três nomes que são levados ao Conselho Universitário, onde é realizada uma eleição formal visando a composição da lista tríplice a ser enviada ao Presidente da República, que nomeia o reitor. O CUn é o colégio eleitoral formal e sua composição é de 70% para a participação docente e 30% para as demais categorias. Na primeira etapa, no entanto, historicamente a comissão formada pelas entidades tem plena autonomia na definição do regramento do pleito e sempre optou por um processo por meio de voto paritário, considerado mais igualitário e democrático, em que as categorias de professores, técnico-administrativos e estudantes respondem, cada uma, por um terço dos votos.

:::: Recentemente, parecer levantado pelo CUn reacendeu debate sobre o processo. A Apufsc vem reiterando a importância do voto paritário.

:::: Direito de resposta concedido ao professor Paulo Pinheiro Machado sobre as eleições para a reitoria

:::: Parecer solicitado pela Apufsc ao escritório de advocacia Mello Zilli

Outros assuntos debatidos no CR
No encontro do Conselho de Representantes da Apufsc desta sexta, também foram apresentadas propostas reunidas durante a última reunião dos aposentados. A ideia é dar mais visibilidade a esse grupo de professores e propor debates importantes para a categoria.

Entre os outros assuntos da pauta da reunião do CR estiveram o novo Grupo de Trabalho da Apufsc para tratar sobre universidade digital e teletrabalho, com foco nos desafios que surgiram no contexto da pandemia e produções audiovisuais que serão produzidas pela Apufsc. Outros tópicos tratados foram a reforma do Centro de Convivência para alocar a sede-campus do Sindicato e a mobilização para o ato nacional em defesa da democracia, no próximo dia 20.

Imprensa Apufsc

Compartilhar