Guedes, que chamou servidores de ‘parasitas’ em 2020, diz que nunca xingou funcionários públicos

Ministro afirmou que fala foi tirada do contexto, que tem mãe servidora, e defendeu reforma administrativa, destaca o Globo

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quarta-feira que nunca xingou servidores públicos e pediu apoio deles para aprovação da reforma administrativa, que muda as regras do funcionalismo.

Guedes participou de evento organizado pela Corregedoria do Ministério da Economia. Ele citou um episódio do início de 2020, quando usou a palavra “parasita” ao falar de servidores públicos.

— Eu nunca xinguei (servidores). A minha mãe é funcionária pública, está viva ainda com 99 anos, foi funcionária pública a vida toda, dedicada, uma boa servidora. Eu estou experimentando aqui o convívio aqui com gente extraordinária — disse Guedes.

Guedes pediu ainda apoio dos funcionários públicos para aprovação da reforma administrativa proposta pelo governo e parada na Câmara.

— Eu peço apoio do nosso funcionalismo, porque estamos falando de modernização do serviço público, digitalização, maior produtividade e meritocracia.

Leia na íntegra: O Globo

Compartilhar