Bolsonaro nomeia terceiro da lista tríplice na UFVJ

Com apenas 5,2% dos votos válidos, o professor Janir Alves Soares é o novo reitor da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri

O presidente Jair Bolsonaro  nomeou o terceiro nome da lista tríplice, o professor Janir Alves Soares, como novo reitor da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM). A chapa de Soares recebeu apenas 5,2% dos votos válidos dos professores, funcionários e alunos.

 

Esta é a terceira nomeação de reitor que não acata a decisão da maioria da comunidade universitária, destaca a revista Exame. Para as federais do Triângulo Mineiro (UFTM) e do Recôncavo da Bahia (UFRB),  Bolsonaro já havia nomeado o segundo e o terceiro colocados, respectivamente.  

 

Apesar de a escolha do reitor ser prerrogativa do presidente, a nomeação de candidato menos votados rompe uma tradição que se mantinha desde 2003. Procurado pela Exame, o governo Bolsonaro não informou quais critérios foram adotados para a escolha desses três nomes.

 

O atual reitor, Gilciano Nogueira, ficou em primeiro lugar e se disse surpreso com a escolha do governo federal. “Respeito a decisão e confio na capacidade de gestão do professor que foi nomeado, mas lamento que a decisão e autonomia da universidade não estejam sendo respeitadas”, disse.

Confira: Exame


 

Compartilhar