SC passa de 12 para 10 regiões em risco gravíssimo para coronavírus

Novo mapa mostra piora nas regiões de Xanxerê, Grande Florianópolis, Médio Vale e Oeste, que passaram ao nível gravíssimo; outras seis voltaram à condição grave

O novo mapa de risco de contaminação por coronavírus mostra 10 das 16 regiões de Santa Catarina em nível gravíssimo, identificado pela cor vermelha, conforme indica reportagem da NSC. As outras seis regiões estão em nível grave, classificado pela cor laranja. São duas regiões a menos na definição mais crítica do que o registrado há uma semana. No último boletim, o Estado tinha 12 das 16 regiões em condição gravíssima para a covid-19.

O novo mapa de risco foi divulgado nesta quinta-feira, 7, pelo governo do Estado. A atualização estava prevista para a quarta-feira, mas foi adiada por causa de uma mudança no critério utilizado pelos especialistas. A partir desta semana, o cálculo da matriz de risco passa a considerar a taxa de ocupação de leitos de UTI adultos reservados para a Covid-19, e não a totalidade de leitos na rede pública, já que há vagas para pacientes de cirurgias e outros procedimentos que exigem terapia intensiva.

Santa Catarina registrava, até esta quarta-feira, 6, 5.482 mortes por coronavírus e 506,8 mil casos confirmados da doença.

Leia na íntegra: NSC

Compartilhar