Abaixo-assinado pede demissão da nova presidente da Capes

O documento conta com mais de 20 mil assinaturas, segundo apurou Gazeta do Povo

A nomeação de Cláudia Mansani Queda de Toledo para a presidência da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) tem sido alvo de críticas e agora também motivou a criação de um abaixo-assinado.

Até as 19h30, aproximadamente 20 mil pessoas já tinham assinado. Trata-se de mais uma tentativa de tentar fazer com que o ministro da Educação, Milton Ribeiro, volte atrás na sua escolha ou de que o presidente Jair Bolsonaro determine que o comandante do MEC o faça.

Pesquisadores afirmam que o currículo e as atividades acadêmicas da nova presidente reúnem uma série de práticas que a Capes tem combatido nos últimos anos para impedir o funcionamento de cursos de pós-graduação sem qualidade.

Leia na íntegra: Gazeta do Povo

Compartilhar