Em votação, Conselho Universitário respeita consulta informal e decide lista tríplice para Reitoria da UFSC

Irineu e Joana, eleitos na consulta informal, integram o primeiro lugar da lista

Na manhã desta segunda-feira, dia 2, o Conselho Universitário (CUn) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) elegeu, em reunião aberta, os nomes que formam a lista tríplice para reitor e vice-reitor, respeitando a escolha da consulta informal realizada na semana passada. No total, 62 conselheiros participaram da votação que nomeou Irineu Manoel de Souza e Joana Célia dos Passos como primeiros colocados. Os outros nomes que compõem a lista são de apoiadores da chapa vencedora. Os nomes dos eleitos serão enviados nesta terça-feira, dia 3, ao Ministério da Educação, para que o presidente Jair Bolsonaro (PL) decida a nova Reitoria da UFSC.

A comunidade universitária estava apreensiva com o resultado da reunião do CUn. Isso porque, na semana passada, o professor Luiz Felipe Ferreira, do Departamento de Ciências Contábeis e do Programa de Pós-Graduação em Contabilidade da UFSC, se inscreveu para disputar a eleição no Conselho sem ter participado da consulta informal.

Antes do início da votação, estudantes liderados pelo Diretório Central dos Estudantes (DCE) se reuniram no hall da Reitoria. Logo em seguida, os conselheiros deliberaram pela reunião aberta, e cerca de 100 pessoas foram autorizadas a participar do pleito, no auditório. A sessão aconteceu de maneira tranquila, e o silêncio só foi quebrado durante a apuração dos votos.

Historicamente, em respeito à decisão da comunidade universitária, os candidatos inscritos integram a lista tríplice e os derrotados na consulta informal não se candidatam à eleição no CUn.

Carlos Alberto Marques, presidente da Apufsc-Sindical, afirma que a votação do Conselho Universitário foi essencial e significativa, porque mostrou que está em sintonia com a vontade expressa na consulta informal, além de evidenciar uma força necessária para a futura administração da UFSC.

A diretoria do sindicato espera que os nomeados, em primeiro lugar, sejam confirmados pelo presidente da República, na próxima e última etapa da eleição. “É algo importante para enfrentar os desafios que nós já estamos vivendo, como a falta de recursos, a tentativa de deslegitimar a ciência produzida principalmente nas universidades e as dificuldades dos estudantes em permanecer estudando”.

Confira o resultado da votação:

REITOR / REITORA
Prof.ª Irineu Manoel de Souza – 56% dos votos
Prof. Dilceane Carraro – 18% dos votos
Prof. Miriam Furtado Hartung – 18% dos votos
Prof.ª Luiz Felipe Ferreira – 5% dos votos
Nulos – 3% dos votos

VICE-REITOR / VICE-REITORA
Prof. Joana Célia dos Passos – 60% dos votos
Prof.ª Miriam Pillar Grossi – 18% dos votos
Prof.ª Jacques Mick – 18% dos votos
Prof. Rafael Luiz Marques Ary – 1% dos votos
Nulos – 5% dos votos

Cada conselheiro votou separadamente para reitor e vice-reitor de maneira secreta. A comissão especial, nomeada pela Portaria nº 578/2022/GR, responsável por conduzir o processo de escolha dos candidatos para a composição da lista tríplice, realizou a apuração pública das cédulas. Irineu e Joana foram ovacionados após o resultado.

O atual reitor, Ubaldo Cézar Baltazar, encerrou a sessão passando a palavra para “o futuro reitor dessa universidade”. Irineu e Joana, que representavam a chapa Universidade Presente, agradeceram pela expressiva votação dos conselheiros e prometeram uma gestão histórica, democrática e acolhedora.

Irineu e Joana discursando após conquistarem o primeiro lugar na lista tríplice

Karol Bernardi
Imprensa Apufsc

Compartilhar