Presidente do Inep pede demissão e órgão passa pela 5ª mudança sob Bolsonaro

Dupas estava no cargo desde fevereiro de 2021, e havia sido levado ao cargo pelo ex-ministro Milton Ribeiro, de quem é próximo

O ministro da Educação, Victor Godoy, anunciou nesta quarta-feira, dia 27, a quinta troca no comando do órgão responsável pelo Enem durante o governo Jair Bolsonaro (PL). Danilo Dupas Ribeiro pediu demissão, segundo publicação do ministro.

Dupas estava no cargo desde fevereiro de 2021, e havia sido levado ao cargo pelo ex-ministro Milton Ribeiro, de quem é próximo. Nas redes sociais, Godoy afirmou que a saída de Danilo Dupas ocorreu por “motivos pessoais e a pedido”.

Além de organizar o Enem, o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais) é responsável pelas avaliações federais da educação básica e ensino superior, entre outras funções. Quem assume a presidência é Carlos Eduardo Moreno Sampaio, um dos servidores mais experientes da autarquia e que respondia pela diretoria de Estatísticas Educacionais.

Leia mais: Folha de S. Paulo

Compartilhar