Informe Necat: casos de Covid-19 ainda estão em expansão em SC

Aumento é de pouco mais de 1%, em relação à semana anterior

O Informe semanal do Núcleo de Estudos de Economia Catarinense (Necat) divulgou a evolução da Covid-19 em Santa Catarina. Considerando três indicadores principais (número de casos, casos ativos e óbitos), nota-se um crescimento de 1,60% durante o período de 4 a 10 de junho em relação à semana anterior. Ao total, são 12.077 novos casos notificados, 930 registros a menos no levantamento anterior, porém mantendo a tendência de aumento indicada desde o mês de maio.

De acordo com o documento, por mais que o cenário de continuidade da contaminação da população catarinense continue como previsto, esta situação não está causando impactos na estrutura da saúde, uma vez que a taxa de ocupação dos leitos UTI-SUS para Covid-19 apresentou oscilações negativas em praticamente todas as regiões do estado. “Sem dúvida, esse cenário de baixa ocupação da estrutura hospitalar por pessoas acometidas pela Covid-19 que vem sendo registrado nas últimas semanas pode ser creditado aos efeitos benéficos da vacinação completa da população contra a pandemia, a qual evita uma maior pressão sobre a rede hospitalar pública de saúde do estado”, afirma o documento.

Por fim, o Informe ressalta que o Autoteste Antígeno Novel Coronavírus está dificultando a formação de dados sobre a realidade do contágio da Covid-19 no estado, uma vez que, segundo constatado em diversas farmácias nesta semana, não há qualquer registro sobre o que acontece após a pessoa adquirir esse teste. Tal fato pode estar indicando que a contaminação da população pode ser bem maior daquela registrada nas estatísticas oficiais, pois não existe nenhum protocolo oficial em relação a esse tipo de procedimento (autoteste). Isso leva à suposição de que no momento existe uma elevada taxa de subestimação do contágio no estado.

Fonte: Notícias da UFSC

Compartilhar