Mais da metade da população está insatisfeita com a gestão da educação básica pública no país, diz pesquisa

Levantamento do Todos Pela Educação aponta que 59% dos eleitores brasileiros consideram a educação um tema “muito importante” na hora de avaliar propostas de candidatos, destaca o Globo

A condução da educação básica pública no Brasil é reprovada pela maior parte dos brasileiros aptos a votar, segundo pesquisa encomendada pelo Todos Pela Educação. O levantamento, realizado pela Conectar Pesquisas e Inteligência, mostra que 58% da população com 16 anos ou mais se consideram insatisfeitos ou muito insatisfeitos com o Governo Federal, enquanto 54% dos entrevistados se dizem insatisfeitos ou muito insatisfeitos quando avaliam a condução dos governos estaduais.

— Essa rejeição tem muita relação com a resposta dos gestores públicos à pandemia. Muita coisa foi sentida diretamente pela população com seus filhos que ficaram fora da escola nesse período — ressalta Lucas Hoogerbrugge, líder de relações governamentais do Todos Pela Educação.

— Mas o que chama muita atenção é que a reprovação na política educacional é maior em relação ao governo federal que aos estaduais. Pesquisas de outros temas mostram o contrário — diz.

Desde o começo da gestão de Jair Bolsonaro, o Ministério da Educação (MEC) tem sido marcado por constantes trocas de gestores, redução de orçamento e baixa execução de recursos. Neste ano, a pasta ainda entrou no centro de suspeitas de que dois pastores pediam propina em ouro e em bíblias em troca de influência na liberação de verbas.

Leia na íntegra: O Globo

Compartilhar